Home  >>  Publicações  >>  Teses  >>  Profissionalização da Organização da Cultura no Brasil: uma análise da Formação em Produção, Gestão e Políticas Culturais

Teses

Profissionalização da Organização da Cultura no Brasil: uma análise da Formação em Produção, Gestão e Políticas Culturais

On fevereiro 12, 2016, Posted by , In Teses, With No Comments

Quem organiza a política cultural no País é um gestor, ou este espaço não é para ser ocupado por ele? Mais além: deveria ser ocupado por um gestor?

A relação da cultura com o desenvolvimento da sociedade é fator de múltiplos estudos, contudo pouco se analisa sobre a formação dos responsáveis pela organização da cultura, ou seja, profissionais atuantes na política, gestão ou produção culturais. A função desse profissional que age como o grande mediador desse sistema, é diversa e pode receber diferentes denominações. A análise do contexto da sua formação merece um destaque que até então não foi dado, como peça importante para o desenvolvimento do setor. Buscamos delinear um panorama da formação no campo da organização da cultura a partir desta tese, como fator de crescimento acadêmico e reflexivo dessa área no Brasil.

Clique e leia mais.