Home  >>  Boas Práticas  >>  Projeto da prefeitura de Correia Pinto leva agricultura familiar para merenda das escolas

Boas Práticas

Projeto da prefeitura de Correia Pinto leva agricultura familiar para merenda das escolas

A Boa Prática

Os alimentos consumidos pelas crianças das escolas municipais de Correia Pinto são, em sua maioria, produzidos de forma orgânica pelas famílias da região rural da cidade. O projeto contribui com o desenvolvimento econômico local, bem como garante um cardápio nutricional adequado para as crianças que frequentam as escolas da região.

A melhora da qualidade da merenda escolar de Correia Pinto é evidente. Desde 2009, quando foi iniciada a parceria com a agricultura familiar, as notas do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) nas séries iniciais vem aumentando, chegando, a 5,1 em 2013. A taxa de crescimento se equipara à rede estadual no município e superando em 0,1 ponto o Estado.

Onde ocorreu?

A boa prática ocorreu no município de Correia Pinto, no estado de Santa Catarina.

Quando ocorreu?

A prática foi executada até dezembro de 2014.

Por que?

A prática foi instituída com o objetivo de incentivar a produção orgânica no campo, evitando o êxodo rural, através de reuniões técnicas, incentivando produção de produtos variados que pudessem compor o cardápio escolar diariamente, durante os 200 dias letivos. Os produtos eram comprados semanalmente, através de chamada pública, bem como a compra de um caminhão para o transporte destes produtos, beneficiando os agricultores na venda dentro e fora do município.

Reconhecimento

A merenda escolar de Correia Pinto foi classificada pela quatro vezes consecutivas como as melhores merendas escolares do Brasil. A prefeitura Municipal foi premiada nos anos de 2012 e 2013 como vencedora por Gestão Eficiente de Merende Escolar. O projeto “ Incentivo a Produção Orgânica e Compra de Produtos Orgânicos da Agricultura Familiar para Alimentação Escolar” gerou outros projetos derivados, como a Feira Orgânica Municipal, que acontece todos os sábados na praça central do município e é realizada pelo Grupo Ecológico Campina Verde. O
grupo é formado por 10 agricultores familiares. Eles são responsáveis, basicamente, pelo fornecimento
de hortaliças e legumes ao município. Outra extensão do apoio a agricultura Familiar se reflete no projeto que incentiva a Agroindústria, a adesão ao Cooperativismo e implantação. A cidade foi uma das premiadas na 8ª edição do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor, na categoria Pequenos Negócios no Campo .

Saiba mais:

Clique aqui e leia mais sobre a boa prática.